Rádio com Ciência

Aplicativo traz informações do transporte fluvial no Amazonas

Aplicativo traz informações do transporte fluvial no Amazonas

Alunos da Escola Municipal Nossa Senhora das Graças de Manaus desenvolveram um aplicativo de mobilidade urbana com foco no transporte fluvial. Com apoio do governo do Estado via Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam), o aplicativo foi intitulado de “Mobilidade Urbana” e fornece informações dos barcos que saem dos portos de Manaus para outras cidades do Amazonas e algumas cidades do Pará, como os horários de chegada e partida, os itinerários com as escalas, o nome da embarcação, além do telefone do dono da embarcação.

Ouça a reportagem produzida pela Rádio Nacional da Amazônia.

Pesquisa busca em fungos e bactérias potenciais farmacológicos para tratamento de doenças cardiovasculares

Pesquisa busca em fungos e bactérias potenciais farmacológicos para tratamento de doenças cardiovasculares

A pesquisadora do Instituto Leônidas e Maria Deane (ILMD/Fiocruz Amazônia), Ormezinda Fernandes, está desenvolvendo um estudo com apoio do governo do Estado via Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam) para buscar em fungos e bactérias da região Amazônica potencial farmacológico para tratamento de doenças cardiovasculares.
O estudo realizou uma seleção de fungos e bactérias isolados de substratos amazônicos, como solo, água e ar, promissores produtor de proteases que possuem ação fibrinolítica, quando atua diretamente desfazendo o coágulo sanguíneo formado durante as doenças cardiovasculares. Ouça a reportagem produzida pela Rádio Com Ciência.

Fungos da Amazônia no combate ao Aedes aegypti

Pesquisadores criam bioinsenticida para combater o Aedes aegypti a partir de fungos da Amazônia

Um bioinseticida natural produzido a partir de fungos encontrados em plantas e insetos da Amazônia foi desenvolvido com apoio do governo do Estado por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam) na Ecobios Consultoria Ambiental e Controle de Qualidade Ltda., empresa incubada no Centro de Desenvolvimento Empresarial e Tecnológico  da Universidade Federal do Amazonas (Ufam).
O estudo recebe aporte do governo do Estado via Fapeam por meio do Programa de Apoio à Pesquisa em Empresas na modalidade de Subvenção Econômica (Pappe Integração) de realizado por pesquisadores da Ufam em parceria com o Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa) durou três anos, isolou mais de 100 linhagens fúngicas de vários substratos da Amazônia.

Ouça a reportagem da Rádio Com Ciência.

Estudo identificará vulnerabilidades de comunidades

Estudo identificará vulnerabilidades de comunidades

Pesquisadores das Universidades Federal do Amazonas (Ufam) e de Lancaster, na Inglaterra, com apoio do governo do Estado via Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam), em parceira com a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e Universidade Federal do Pará (UFPA), estão desenvolvendo um estudo para minimizar a vulnerabilidade da população do interior do Amazonas durante os eventos hidroclimáticos extremos, como as secas e cheias dos rios da região.

Ouça a reportagem produzida pela Rádio Com Ciência.

Teste vai permitir diagnosticar dengue, zika e chikungunya

Teste vai permitir diagnosticar dengue, zika e chikungunya

O Ministério da Saúde começará a distribuir, no fim de fevereiro deste ano, as primeiras 50 mil unidades do Kit NAT Discriminatório para dengue, zika e chikungunya. Ele vai permitir o diagnóstico simultâneo das três doenças com maior agilidade. Outra vantagem seria a redução do custo de aplicação do teste. A estimativa de gasto para realização do diagnóstico é de 20 dólares por cada um, o equivalente a mais ou menos R$ 80.
Ouça a campanha lançada pelo Ministério da Saúde.

O protótipo da ecotelha deve ser concluído em 12 meses e a expectativa do grupo de empreendedores é que a tecnologia seja transferida para empresas do setor da construção civil

Empresa produz telhas sustentáveis com argamassa e fibras vegetais da Amazônia

A partir do reaproveitamento de resíduos de olarias locais, pesquisadores da Universidade Federal do Amazonas (Ufam) com apoio do governo do Estado via Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam) estão desenvolvendo ecotelhas – telhas sustentáveis, produzidas com argamassa e fibras vegetais da Amazônia. O protótipo da ecotelha deve ser concluído em 12 meses e a expectativa do grupo de empreendedores é que a tecnologia seja transferida para empresas do setor da construção civil.

Ouça a reportagem feita pela Rádio Nacional da Amazônia / EBC.

Pesquisador cria inseticida contra mosquito da dengue

Amazonas vai monitorar casos de malária e dengue em tempo real

Pesquisadores do Amazonas, Amapá e da Guiana Francesa estão desenvolvendo com apoio do governo do Estado via Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam) um sítio sentinela de observação de clima e saúde na região fronteiriça da Amazônia para estudos sobre malária e outras doenças de transmissão vetorial como dengue, chikungunya e zika. O estudo é coordenado pelo biólogo e pesquisador da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS), Ricardo Augusto Passos, no âmbito do Programa de Cooperação Internacional Guy Amazon da Fapeam.

Ouça a reportagem publicada pela Rádio Nacional da Amazônia /EBC sobre o assunto.

Pesquisadores monitoram malária e dengue em regiões de fronteira

Estudo inédito pode impactar previsão do tempo para Amazônia

A pesquisa trata das partículas de aerossóis naturais da Amazônia, que são alteradas ao entrar em contato com a poluição. Ao constatar essa mudança, os pesquisadores acabaram descobrindo que essas partículas não são como se acreditava antes. Quem explicou detalhadamente o estudo foi o professor do Instituto de Física da Universidade de São Paulo (USP) e um dos coordenadores do experimento GoAmazon, Paulo Artaxo. O estudo é realizado com aporte financeiro do governo do Estado via Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam).

Ouça a íntegra da entrevista veiculada pela Rádio Nacional da Amazônia / EBC.

Estudante desenvolve primeiro óculos de realidade virtual em fibra de carbono do mundo

Estudante desenvolve primeiro óculos de realidade virtual em fibra de carbono do mundo

O Amazonas é o primeiro Estado do mundo a desenvolver um óculos de realidade virtual com fibra de carbono. A iniciativa inovadora surgiu de um projeto de pesquisa apoiado pelo governo do Estado, via Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam), do estudante da Escola Estadual Benjamin Magalhães Brandão, de Manaus, Gabriel de Oliveira. Ouça a reportagem.

  • 2020-03-26

  • BANNERS-LATERAIS---PAIC-E-POSGRAD-2020

  • BANNERS-LATERAIS---PAIC2020

  • F75619AF-2727-4CA5-A8B0-BEC2E9F4C6C7